quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Infertilidade...

Vejam esta nuvem aqui.

Há dias, aquando da minha visita a um blog que estimo muito, o da Susana Pina, fui reencaminhada para aquela nuvem.
Fui espreitar e deixei um comentário. E não é que as meninas de ambos os blogs me vieram agradecer ter lá ido deixar a mensagem?
Eu já percebi que a maior parte das pessoas não percebe o que sentem ou vivem as pessoas inférteis, mas eu não sei porquê sinto algo. E não me custa nada dar o meu apoio nem que seja uma palavra de carinho ou de força.
Eu nunca sofri de Infertilidade e, felizmente, tive os Pimpos sem qualquer problema, mas lido com estas minhas amigas virtuais de uma forma indescritível. Não sei bem porquê!
No dia em que a Patrícia e a Cakuxa fizeram a última tentativa, que coincidiu com a semana do meu aniversário, o meu coração fervilhava de ansiedade, por saber se tinham conseguido. A Patrícia conseguiu, a Cakuxa não!
A partir daquele dia, comecei a nutrir pela Cakuxa um sentimento de Amizade, maior ainda (tudo porque senti na pele a perda dela).
São sete (acho eu!), os blogs de Meninas que eu sigo, e que Um Dia Vão Conseguir, e eu espero estar ao "lado" delas para poder acompanhar o seu grito de Alegria!
Estou com elas de coração porque sou Mãe, porque imagino (sim só imagino) o que sofrerão em busca de uma Alegria de um Sonho que é ter um Filho.

Sabe ou não sabe bem sentir-mo-nos apoiados quando nos sentimos em baixo de forma, quando temos duvidas, quando precisamos de "ouvir" alguém, e temos sempre uma resposta de força. Eu falo por mim, utilizo este meu cantinho com a finalidade de apoiar e ser apoiada, ouvir e ser ouvida, desabafar e ler desabafos.
Por isto tudo e por muito mais, venho pedir-lhes em nome da Infertilidade, que todas vocês Amigas/Mães, deixem uma palavra de carinho e Apoio, porque "Vá lá não custa nada!".

8 comentários:

Márcia e Sara disse...

É sempre bom sabermos que nos momentos dificeis, temos sempre alguém para nos apoiar.
Beijinhos

sorrisos da minha alma disse...

Estão sempre presentes na minha oração essas mães...

UM beijinho grnde.
E quando poderes manda-me a receita do doce de bolacha, porque ja ando de agua na boca!

Carla Santos disse...

é um tema que me deixa bastante pensativa , vou passar pela nuvem :)

beijos da carla :)*

Cláudia, a mamã da Daniela e do Duarte disse...

sem dúvida, linda.
Não imagino o que é desejar tanto, mas tanto uma criança, e tardar em concretizar esse desejo, ou não conseguir mesmo. É difícil... E é também assustador o número de casais inférteis. Esta situação está a tornar-se avassaladora.

Eu... disse...

Amiga querida, fiquei com as lágrimas nos olhos, tu realmente és um doce e percebes tão bem a nossa dor, é com pessoas como tu, que este caminho é bem mais fácil de precorrer, tu tens sempre uma palavra de conforto, de esperança, de amizade e o mais humano disto tudo, é que não conheces a nossa dor, mas partilhas-a tão bem! OBRIGADA AMIGA!

Um grande beijinho no teu coração de ouro!
Cakuxa

Margarida disse...

POis que saí mais para o louro e de cabelo liso ;) Desculpa a "desilusão" :P

Beijinhos

Joana e Rodrigo disse...

Foi uma realidade que não conhecia e que também passei a conhecer através de muitos blogs. São mulheres de coragem, que não desistem!

Beijo

Isabel disse...

Eu também não sei o que é querer ter filhos e não conseguir. E sinto uma enorme admiração pelas pessoas que tentam tudo por tudo, que vivem numa luta constante para conseguir engravidar e que passam por tantos momentos dificeis e de desilusão, raiva, e sobretudo muita tristeza. Vou espreitar a nuvem que mencionas!
E parabéns para ti, que tens um coração de ouro!
Um grande beijinho!