terça-feira, 25 de março de 2008

Mais uma Aventura na Vida dos Pimpos…

Como vos contei a minha Mãe e Irmã foram passar a Páscoa com o meu Pai ao estrangeiro. Por isso mesmo nestes dois dias (2ª e 3ª feira), os meus Pimpos foram ambos para casa da minha sogra…
Quando cheguei o M. estava a dormir e ela a fazer um desenho! Combinamos então que quando ele acordasse a minha sogra me ligaria para eu os ir buscar (a Pimpa aproveitou logo a dica para pedir para jantar lá, coisa que faz quase todos os dias, tal é a paixão entre as duas!).
Acabei por jantar e quando a minha rica sogra me ligou, combinámos que seria melhor dar-lhe de jantar também a ele e que quando o S. fosse trabalhar (entrava à meia-noite) eu iria buscá-los. (Acedi ao pedido dela porque apesar da Pimpa estar a maior parte do tempo com ela o Pimpo está sempre em casa da minha Mãe…).
Adiante…
Estava eu esborregada no sofá, a pensar alto e a dizer:
“Ando sempre irritada, quando os miúdos estão cá em casa estou sempre a “refilar” quando não estão a casa está vazia!” A falta que os meus filhos me fazem. Dei uma valente gargalhada, e disse “sou mesmo do piorio!”.
Saímos então os dois, ele para ir trabalhar e eu para ir buscar os meus mais que tudo.
Quando cheguei à minha sogra o meu Príncipe tinha o narizito magoado… Fónix, eu sei que todos temos maneiras e formas de cuidar e sei que ninguém é mais que ninguém no que toca a cuidar dos filhos/netos/sobrinhos, etc., mas é incrível que a maior parte dos “galos” que o Pimpo teve foram feitos na presença da minha sogra, e agora outro “dói-dói…
A Pimpa ficou a dormir lá (mais uma vez!), tudo porque como ia passar a noite sem o S., fica mais fácil para me despachar de manhã, e ela sempre dorme mais um bocadinho.
E eu, vim com o Pimpo ao colinho para casa...

12 comentários:

Rita disse...

Sou tal e qual como tu. Quando tenho os baguinhos todos em casa durante muito tempo (como foram estes 4 dias) fico com os cabelos em pé.

Mas depois quando estou mais do que algumas horas sem eles fico logo com o coração apertado de tantas saudades.

Assim somos nós... mães galinha!

Cláudia disse...

Olá amiga, nós mães somos mesmo "loucas", mas no bom sentido claro.
Beijinhos Grandes para vocês.

Cláudia, a mamã da Daniela e do Duarte disse...

eu também digo o mesmo: quando a Daniela está em casa, não consigo fazer nada de jeito, mas depois, quando ela não está, sinto a casa muito vazia!!!!

Acho que faz parte de ser mãe!!!!

gosto-muito-de-voce-leozinho disse...

eu sou assim....mas não consigo deixa la dormir com a minha mae...........não consigo...por muito dificl que seja a manha..........bom estou a contar contigo dia 25 de abril menos um kilo ok???????????????????

Silvia disse...

O silÊncio deve incomodar mais do que a agitação dos miúdos. Acho que todos os pais sentem o mesmo...
Beijinhos.

O PIRATA JOÃO disse...

GOSTEI MUITO DO TEU BLOGUE

MUITAS FELICIDADES E MUITOS BEIJINHOSSSSS

Rosa disse...

Oh, que maldade, Cláudia. Crianças sem "dói-dóis" nem são crianças.

Margarida disse...

Ihihi, que alegria essa:p E em relação aos doi-doi, eixa la..eles tb precisam deles:p Ficam mais fortes e tudo!, ihih*

Barriguitas disse...

Olá amiga!

O Pimpo está melhor do nariz?
Vi o teu comentário e vnho dizer-te que vou colocar tudinho sobre o "regime" eheheh

Bjocas.

Ana & Vasquinho disse...

Concordo... queixamo-nos porque sim e queixamo-nos porque não.
O que mais dizer???

Quanto aos 'dói-dóis', parece o pai do Vasquinho, mas esse é tiro e queda.
Ainda hoje esteve cá em casa e lá o miudo bateu com a cabeça no chão quando estava com ele.

Irra!

Beijocas.

Claudia_peixinha disse...

Bjs no do-dói do Pimpo,tadinho.Mas as crianças é assim mesmo ,magoam-se e por vxs n é por falta de atenção dos adultos.

Mas pq a Pimpa fica com a tua sogra e o Pimpo com a tua Mãe?

BJs (só respondes se quiseres).

Nostálgica disse...

Sente-se sempre a falta deles..:)
um bjnho.